Site

Site
CLIQUE AQUI e acesse nosso site!

Boas-vindas

"MODERNO, ATUAL E INFORMATIVO". Esse blog tem a intenção de transmitir informações sobre nossos produtos e serviços. A RENATA PERUCAS está sempre em busca de um atendimento sério e transparente, nossas maiores qualidades. Se você é um cliente, está em busca de informações sobre perucas, ficou curioso para saber o que nossa empresa oferece ou apenas está navegando por nossa página, SEJA BEM-VINDO! Este espaço foi criado para VOCÊ!

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

TURBANTE NA CABEÇA!

Há quem considera o turbante um símbolo cultural, uma peça do vestuário de cunho religioso ou apenas um apetrecho estético. Apesar de ser um simples "pedaço de pano", esse acessório tem feito a cabeça de muitas mulheres ao longo da história.

No post de hoje vamos falar do turbante como um grande aliado daqueles que estão sob tratamento médico, das suas mil e uma funções e formas de utilização.

Aqui na Renata Perucas comercializamos dois tipos de turbantes: de encaixe e de amarrar. A diferença básica entre eles é a costura, mas os modelos também se diferem na maneira como são utilizados. Abaixo, explicaremos os detalhes de cada um deles.

Turbante de Encaixe:

Este modelo é o "queridinho" dos nossos clientes, uma vez que é bem prático para vestir e utilizar no dia a dia: é só encaixar na cabeça, como uma "touquinha", e sair por aí. Além dessa praticidade, ele vem com um passador de lenço que permite variar o visual conforme a ocasião ou gosto de quem utiliza. Para isto, recomendamos o uso de lenços tipo echarpe (também temos à venda aqui na loja, com ou sem franja).


Turbante de Amarrar:

Ele é o favorito daqueles que curtem um visual mais clean, além de ser um grande substituto dos lenços: os turbantes de amarrar possuem pontas que permitem uma amarração perfeita à cabeça, de forma que não "escorregam" como os lenços comuns. Por possuírem amarração livre, são versáteis para qualquer ocasião. Abaixo, selecionamos três opções de amarrações com passo a passo para você aprender a usar.

Opção 1 (Siga as fotos da esquerda para a direita): Coloque o turbante na cabeça de forma que a costura fique alinhada com o nariz e as duas pontas fiquem para baixo (1ª foto) | Deixe as duas pontas para trás (2ª foto) e faça um nó simples na nuca (3ª foto) | Passe as pontas pelo ombro e utilize o turbante dessa maneira (4ª foto).


Opção 2 (Siga as fotos da esquerda para a direita): Amarre o turbante como mostrado na Opção 1, anteriormente (1ª foto) | Deixe as duas pontas para trás e passe um lenço tipo echarpe em volta da cabeça, por cima do turbante, amarrando o mesmo com um nó simples também na nuca (2ª foto) | Pegue as pontas do turbante e faça um laço por cima das pontas do lenço (3ª foto) | Utilize com as pontas do lenço por cima do ombro, de lado, ou como preferir (4ª foto).


Opção 3 (Siga as fotos da esquerda para a direita): Coloque o turbante na cabeça e deixe as pontas para baixo, atrás, fazendo um "x" com as pontas (1ª foto) | Passe as pontas até o topo da cabeça de forma que faça outro "x" em cima (2ª foto) | "Torça" as pontas no topo da cabeça e passe as pontas até a nuca, novamente (3ª foto) | Amarre as pontas em baixo, na nuca, com um nó simples e use com as pontas soltas ou, se preferir, esconda as mesmas dentro do turbante (4ª foto).


Como puderam ver, essas são apenas algumas das diversas formas de utilizar turbantes. Vale lembrar que comercializamos esses turbantes aqui na loja nas cores preto, marrom, azul marinho e bege, tanto os de encaixe como os de amarrar (verifique a disponibilidade em estoque).

Os turbantes não são apenas acessórios para quem está sob tratamento médico, são também uma opção de proteção à cabeça. Por esta ficar bem sensível e desprotegida, uma vez que a quimioterapia e/ou radioterapia podem sensibilizar a área e uma vez que os cabelos, que estão ausentes, atuam como um protetor natural da cabeça, é necessário protegê-la na hora de dormir ou quando está muito frio (por exemplo, no inverno).

Já que agora você conhece as funções e formas de utilização dos turbantes, venha nos visitar e adquirir o seu: Av. Paulista, 1.499, loja 22 (Galeria Trianon). Também entregamos com segurança postal registrada para todo Brasil. Consulte-nos: (11) 3141-0101 ou (11) 3171-1507. Atendemos via WhatsApp: (11) 94304-9573.

quarta-feira, 18 de março de 2015

TIPOS DE PERUCAS

Umas das primeiras dúvidas que vêm à cabeça de nossos clientes quando explicamos sobre perucas são: "Existe mais de um tipo de peruca? Peruca não é tudo igual?" Por essas e tantas outras perguntas sobre a variedade de peças existentes no mercado, resolvemos publicar esse post explicativo, esclarecendo um assunto tão importante tanto para quem já usa quanto para quem ainda precisará adquirir uma peruca: os tipos de perucas.

Definitivamente, peruca NÃO É MESMO tudo igual! Cada peruca tem uma particularidade em sua confecção, principalmente no que diz respeito à forma de fabricação de cada uma delas. Pra começar, existem dois tipos de fabricação de perucas: feitas à mão e feitas à máquina.

Perucas feitas à mão = são perucas que costumam ter uma touca mais "fechada" e seu tecido é bem macio. Os fios de cabelo são tecidos manualmente (isso mesmo, fio a fio) e, portanto, sua fabricação é mais demorada quando comparada à fabricação das perucas feitas à máquina. Uma peruca feita à mão costuma demorar de 15 - 20 dias para ficar pronta. Podemos dizer que o processo é "artesanal" e o acabamento é praticamente perfeito. Nossas perucas feitas à mão são fabricadas sob medida e, para isso, é preciso utilizar uma fita métrica para conferir alguns tamanhos da cabeça da cliente que utilizará a peça. Perucas feitas à mão são artigos personalizados e únicos, ou seja, ajustam-se ao couro cabeludo de forma ideal.

Perucas feitas à máquina = são peças fabricadas, normalmente, em grande escala. Sua fabricação é extremamente rápida quando comparada à fabricação feita à mão. A tela das perucas feitas à máquina não leva um tecido tão macio quanto a das feitas à mão, porém a mesma é confortável e tudo depende da adaptação de quem vai a utilizar. Por outro lado, algumas pessoas afirmam que as perucas feitas à máquina são mais "ventiladas", ou seja, não esquentam tanto. Isso deve-se à tela mais "aberta" que elas possuem e à quantidade menor (em gramatura) de cabelo que elas levam em sua fabricação, portanto acabam sendo mais "leves" também.

Outra classificação que pode ser feita sobre o tipo de perucas existente é referente ao tipo de cabelo utilizado na confecção das mesmas: cabelo natural ou cabelo sintético.

Perucas de cabelo natural = são perucas feitas com cabelo humano, ou seja, fios de cabelo verdadeiro, natural. É importante estar atento ao tipo de cabelo natural utilizado, pois isso faz diferença no acabamento da peruca! Perucas de cabelo natural podem ser fabricadas com cabelos virgens (de melhor qualidade, pois não levam nenhuma química ou processamento) ou cabelos já processados (tingidos, descoloridos, alisados, etc.). Vale ressaltar que cabelos naturais importados são, em sua maioria, processados, portanto não possuem a mesma vitalidade dos cabelos nacionais/brasileiros. Conhecer a origem do cabelo é de extrema importância, pois isso interfere (e muito) na durabilidade de sua peça.

Perucas de cabelo sintético = são fabricadas com cabelo "artificial", ou seja, cabelos que não são naturais. Esses cabelos são desenvolvidos em laboratório/indústrias e não apresentam a mesma durabilidade dos cabelos naturais (os sintéticos duram bem menos quando comparados aos naturais). Os cuidados também devem ser maiores com as perucas de cabelo sintético, pois esses fios, normalmente, não resistem ao calor e nem quando submetidos à químicas. Existem cabelos sintéticos que se parecem muito com os naturais, porém somente visualmente.

Na hora de comprar sua peruca, escolha uma loja confiável e com tradição no mercado, pois assim você terá mais certeza do tipo de peruca que está adquirindo. Aqui na Renata Perucas, trabalhamos com transparência e explicamos aos nossos clientes a procedência das peças que comercializamos, além dos cuidados que a pessoa deverá ter com sua peruca.

Venha nos visitar e conhecer de perto as peças naturais ou sintéticas, feitas à mão ou à máquina. Estamos sempre a sua disposição!

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

MITOS E VERDADES SOBRE PERUCAS

Muitos dos clientes da Renata Perucas chegam até a loja cheios de dúvidas. Eles querem e/ou precisam adquirir uma peruca, porém ficam receosos ao terem que "encarar" o fato de usar a peça. Grande parte desse receio vem do famoso "leva e traz" das pessoas que, por falta de informação, disseminam falsidades sobre a utilização das perucas. Para desmascarar essas mentiras, resolvemos criar esse postSaiba agora os MITOS e as VERDADES sobre perucas!

Toda peruca cai da cabeça. = MITO
Ao adquirir uma peruca, a pessoa a prova da mesma forma como fazemos ao comprar uma roupa ou um sapato. Existem perucas que são de tamanho único e perucas que possuem tamanhos específicos para cada cabeça. Se você escolher a peruca certa, do tamanho adequado às suas medidas, sua peruca não irá cair, a não ser que alguém a puxe. Além disso, as perucas possuem um elástico de ajuste que pode vir com presilhas ou velcro que fixam-se à tela. Isso permite uma maior fixação à cabeça e, desta forma, uma maior segurança na hora de utilizá-las. A Renata Perucas faz perucas sob medida, caso você não encontre nenhum modelo que goste ou no tamanho adequado para pronta entrega em nossa loja. 

É preciso utilizar adesivos e/ou colas especiais para fixar a peruca na cabeça. = MITO
Cada caso é um caso, porém se você está careca, tenha certeza de que não é necessário utilizar nenhum desses materiais para fixar a peruca em sua cabeça. Se você provou a peruca e está sentindo que a mesma está "firme" em sua cabeça, não é necessário nada além do elástico de ajuste que já vem na peça. A peruca funciona como uma touca ou um gorro, ou seja, se for do tamanho certo para você e se ninguém puxar com força, não cairá. Agora, se você tem cabelo e vai utilizar a peruca por cima do mesmo, o ideal é comprar uma touca adequada (dessas feitas com o mesmo material de meia-calça, bem justa) e vestí-la antes de colocar a peruca ou utilizar presilhas do tipo "tic tac", por exemplo, para não permitir que a tela da peruca "escorregue" ao entrar em atrito com seu cabelo. Vale ressaltar que muitos pacientes de quimioterapia e, principalmente, de radioterapia ficam com o couro cabeludo sensível e/ou irritado após as sessões e, desta forma, os adesivos e colas podem criar um quadro alérgico na cabeça. Os adesivos e colas também podem "abafar" a cabeça, principalmente em dias mais quentes (em que transpiramos mais), podendo causar acúmulo de bactérias nocivas ao organismo.

Não é necessário lavar a peruca na mesma periodicidade de um cabelo. = VERDADE
O cabelo da peruca é tecido em uma tela e, desta forma, ele não possui a mesma oleosidade de um cabelo que é preso à raiz do couro cabeludo. A periodicidade de higienização da sua peruca dependerá do quanto você a utiliza e dos ambientes que costuma frequentar com a mesma. Um exemplo simples para entender isso é o seguinte: uma pessoa que trabalha em escritório, exposta ao ar condicionado e sem muito esforço físico (quase zero de transpiração) deve lavar a peruca a cada 30 ou 40 dias, já uma pessoa que trabalha na cozinha de um restaurante deverá lavar a sua peça a cada 15 dias ou com mais frequência.

Toda peruca esquenta excessivamente. = MITO
Existem perucas de diversas fabricações. Na Renata Perucas, por exemplo, comercializamos perucas feitas à mão e perucas feitas à máquina. As perucas feitas à máquina possuem uma tela mais aberta, ou seja, mais "ventilada", mas isso não quer dizer que as mesmas são mais "fresquinhas" do que o modelo feito à mão, pois este também possui micro furinhos na tela que permitem uma perfeita ventilação da cabeça. Tudo é uma questão de adaptação. Com a cabeça careca, a pessoa não vai sentir tanto calor como uma que possui cabelo.

Todos percebem quem usa peruca. = MITO
Se a peruca for bem feita e se a pessoa escolher um modelo que combina com seu rosto, ninguém saberá que ela está de peruca. Na Renata Perucas temos atendentes especializadas em escolher uma peruca que mais combine com seu tipo de rosto. Além disso, temos perucas com telas especiais e com riscas de silicone que "disfarçam" bem e assemelham-se ao natural. Um dos nossos lemas é "só você sabe que está usando" e, por esse e tantos outros motivos, temos clientes fiéis ao nosso trabalho que jamais foram questionados se usavam ou não peruca.

Uma peruca de cabelo sintético dura menos do que uma peruca de cabelo natural. = VERDADE
O cabelo sintético é fabricado de maneira a imitar o cabelo natural em seu aspecto visual e não em sua resistência. Aqui na Renata Perucas só trabalhamos com perucas sintéticas de primeira qualidade, que são quase idênticas ao cabelo natural, porém a durabilidade dos fios é bem inferior à durabilidade dos fios naturais. O quanto vai durar a sua peruca sintética dependerá do cuidado que você tem com ela, principalmente porque a peruca sintética não permite o uso de secador de cabelo, chapinhas e/ou babyliss.

Agora que você já sabe alguns mitos e verdades sobre perucas, fique mais tranquilo na hora de escolher o modelo que mais adapta-se ao seu estilo. Se tiver mais dúvidas, não hesite em perguntar-nos: deixe seu comentário abaixo desse post que respondemos. Ah, e não se esqueça: venha visitar a nossa loja e ser orientado por nossas atendentes!

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

RENATA PERUCAS, HOSPITAL PÉROLA BYINGTON E UM BRINDE PARA VOCÊ!

A Renata Perucas está há mais de 15 anos no ramo das perucas e, desde o início de suas atividades, buscou "estreitar os laços" com hospitais, clínicas e médicos específicos das áreas de oncologia, quimioterapia, radioterapia, alopecia, entre outras, para oferecer um atendimento, produtos e serviços especializados em seus clientes que passam por tratamento médico. Até hoje, muitos dos clientes da Renata Perucas são encaminhados até a loja através de seus médicos que conhecem e confiam no trabalho sério que a loja sempre ofereceu.

Desta forma, recentemente, fizemos um "acordo" mais do que especial com um de nossos grandes parceiros: o Hospital Pérola Byington. Se você estiver sob tratamento médico no Hospital Pérola Byington e precisar adquirir uma peruca, saiba que pacientes que passam por quimioterapia no local podem ganhar um brinde super especial da Renata Perucas ao comprar uma peruca na loja!

Para ter direito ao brinde, é preciso receber um panfleto de nossa loja com um cupom de vale brinde anexado e apresentá-lo na Renata Perucas ao comprar sua peça de cabelo natural ou sintético. Vale ressaltar que o brinde só é fornecido mediante a compra de peruca, não valendo para a aquisição de turbantes, apliques e/ou outros produtos da loja.

Peça seu vale brinde Renata Perucas para as enfermeiras do setor de quimioterapia do Hospital Pérola Byington enquanto estiver sob tratamento e corra até a Renata Perucas! Essa parceria é válida somente enquanto durarem os estoques de nosso brinde especial.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

FELIZ NATAL E UM 2014 AINDA MELHOR!!!

Mais um ano está chegando e nós não podemos deixar de, principalmente, agradecer aos nossos clientes, parceiros, amigos e leitores pelo ano que já se aproxima do fim. 2013 foi muito bom para a Renata Perucas, pois pudemos nos aproximar ainda mais de você: novas parcerias foram feitas, nossa clientela renovou-se e pudemos manter nosso trabalho de forma completa.

Temos o imenso prazer de compartilhar esse post com vocês para dizer que a nossa maior satisfação é ver que aqueles que entram em nossa loja e compram uma peruca, um turbante ou um simples lenço saem com um sorriso no rosto, mas nossa alegria vai muito além dessa simples ação... A Renata Perucas trabalha há mais de 15 anos devolvendo a autoestima de seus clientes, estejam eles passando por tratamento médico ou não, e isso é o que nos move, é ver que não participamos apenas do momento da venda de um de nossos produtos, mas sim do início de uma nova vida aos pacientes de quimioterapia, radioterapia, alopecia ou qualquer um que necessite de uma de nossas peças.

E é neste espírito de "missão cumprida" que deixamos o ano de 2013. Desejamos que 2014 seja um ano ainda mais produtivo pra nós e, para vocês, ainda mais feliz! Antes disso, desejamos que você passe o Natal com muita saúde e alegria, que Deus abençoe a você e a sua família!

Para encerrar, pedimos licença para agradecer sua presença em nossa jornada no mercado de perucas e acessórios. É expressamente a você que viemos dizer nosso

MUITO OBRIGADO!